Dieta infalível para 2013!

Heeey, pessoal! Animados no último dia do ano? Eu estou, e mais que animada, a virada do ano me deixa cheia de esperanças. É como se pudessemos (e podemos) refazer tudo aquilo que não saiu tão satisfatório no ano anterior. Uma nova oportunidade de recarregar as energias e de ser uma pessoa melhor.

Sei que a maioria das pessoas que lêem esse blog estão insatisfeitas com seu corpo e vivem como se faltasse alguma coisa para serem plenas e felizes. A maior dica que tenho é: se amem como são. Acredite que você é incrível na sua plenitude, assim como você é hoje. Defeitos e problemas todos tem, magro ou gordo, com ou sem dinheiro. Existem melhoras que podemos fazer para nos sentirmos ainda melhor, para melhorar nossa saúde e para dar oportunidade para as pessoas nos enxergarem de outra forma, mas o principal vem de dentro.

Patrícia, todo mundo fala isso, mas no cotidiano não é tão fácil assim. Claro que não é. E eu não vou ser hipócrita de deixar vocês acharem que eu também não tenha que aplicar isso na minha vida, mas é algo que quero pro ano que vem.

De que adiantaria de ter o corpo dos sonhos e a cabeça vazia? O coração impuro e pensamentos negativos? Quando não estamos bem conosco mesmos, nunca alcançamos o objetivo e de certa forma, parece que nem sabemos para onde queremos ir. Aquela história de ‘não estou feliz assim mas não sei – ou não quero/não quero trabalho – o que fazer para mudar’.

Para 2013, não adianta você fazer inúmeras promessas e deixar que elas morram após à meia noite. Pense que não adianta colocar ‘cores’ para as coisas que você anseia se você não corre atrás. Acreditem, poucas pessoas – quase nenhuma – conseguem as coisas sem sair do lugar. Você quer? Corra atrás. E cada momento é único, o importante é você estar no caminho para alcançar aquilo que você quer. Está na metade do caminho? Aproveite esse momento para ver o quanto você já mudou e o quanto ainda falta. Busque motivação, inspiração e pense que só você pode fazer algo por você mesmo.

Nesse novo ano quero CORTAR da minha vida algumas atitudes e sentimentos ALTAMENTE CALÓRICOS e PREJUDICIAIS à minha felicidade.

  • PREGUIÇA: quero eliminá-la do meu 2013!
  • PESSIMISMO: se eu correr atrás, posso conseguir qualquer coisa. Ficar achando que não vai dar não levará a lugar nenhum.
  • EGOÍSMO: nem preciso explicar porque, né?
  • INVEJA: tem pessoas que me inspiram, e as quais eu gostaria de parecer mais e de ter certas coisas que elas tem, mas tenho que correr atrás de ter aquilo sem mandar energias negativas aos outros!
  • CULPA: chega de me culpar e de tentar colocar a culpa nos outros e nas situações para ainda não ter alcançado o que quero ou por ter regredido. 2013 será o ano de correr atrás!
  • DESCRENÇA e FALTA DE FÉ: na vida a gente tem que crer em alguma coisa pra se apegar, seja em Deus, na natureza ou em você mesmo. Acredite em algo e se apegue nas horas difíceis, mas não esqueça de agradecer nas horas boas também.
  • FOFOCA: não quero fazer dos outros e não quero que façam de mim!!!

Em 2013 quero incluir na minha dieta diária:

  • Muito AMOR naquilo que faço e por aqueles que fazem parte do meu cotidiano!
  • Muita FORÇA DE VONTADE para mandar a preguiça e a auto-sabotagem embora!
  • Muita GARRA para correr atrás daquilo que quero!
  • FELICIDADE pra mim e para todos que me cercam!
  • ADOÇÃO: quero ver menos animaizinhos de rua e menos animaizinhos comprados… adotem!!!
  • Mais AUTO ESTIMA pra mim e pra esse bando de mulher bonita que fica olhando torto pro espelho…!

E você, o que quer no seu 2013?

Desejo à todos vocês um 2013 de muita paz, muitas realizações, amor, saúde, felicidade e garra pra correr atrás daquilo que faltar!

Beijinhos e até o ano que vem! =)

Cachinhos!

Hey, galerinha do bem!

Como todas sabem, já faz quase 1 ano que eu larguei a escova/chapinha e me rendi aos cachinhos. E não vou dizer que não sinto falta dos cabelos ‘sedosos’ e de pentear o cabelo seco e passar os dedos entre os fios. Teoricamente é bem mais fácil manter, no sentido de penteado e tal, mas suar e não poder lavar o cabelo ou ter que ficar fazendo escova, não tem coisa melhor que sair de cabelo molhado nesse calor!

Tá, mas todo mundo sabe que cuidar de cabelo cacheado não é só lavar, então, como cuidar? A primeira vez que eu fiz o permanente foi em março, e em dezembro, estava na dúvida se refazia ou não. Pra quem não sabe, meu cabelo não é cacheadão mesmo, ele é crespo, não cacheia legal, então eu faço o permanente pra ele se definir e ficar mais natural. Mas cabelo cacheado não pode pentear direito, não pode passar pouco creme e principalmente, não pode ficar sem hidratar. O cabelo cacheado tem jeito e hora certa de pentear, tem produtos específicos e tem técnicas que podem deixar os seus cachos de dar inveja.

Mas para decidir se eu ficaria ou não com os cabelos cacheados, comecei a procurar sobre cuidados dos cachinhos e descobri a Rayza Nicácio. Ela além de linda, tem cachos de dar inveja e são super bem cuidados. Existe uma Patrícia pré-Rayza e outra pós-Rayza! hahaha Sério, ela ajuda muito! Vou colocar os vídeos que mais me ajudaram aqui e vamos aprender a valorizar nossa beleza natural, sem ficarmos escravas de chapinha/escova. Em breve pretendo até mesmo parar com o permanente e ver se consigo cuidar do meu cabelo 100% natural, que por sinal eu nem lembro mais como é!

Pra quem tem dúvidas de manter ou não o cabelo natural, vejam esses vídeos! Vocês também vão adorar a Rayza! Se tiverem alguma dúvida, deixem nos comentários.

Beijinhos!